segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

FAZ HOJE 52 ANOS QUE O MATARAM...

Foi há 52 anos que mataram o General que ousou desafiar Salazar

O homem que desafiou Oliveira Salazar nas eleições de 58, Humberto Delgado, foi barbaramente assassinado há 52 anos, em Espanha.
Humberto Delgado, conhecido como o 'General sem Medo', morreu há 52 anos. Neste dia, em 1965, na localidade espanhola de Villanueva del Fresno, era assassinado a tiro, por uma brigada da PIDE, polícia política do regime de Oliveira Salazar. Tinha 58 anos. A sua secretária, Arajaryr Campos, foi igualmente assassinada, tendo sido os dois corpos encontrados no mesmo local.
Humberto Delgado foi um dos militares que apoiou o golpe de 1926 e que depressa ascendeu na hierarquia militar a general. A célebre frase "obviamente, demito-o" foi o que lhe atribuiu o título de o 'General sem Medo'.

Humberto Delgado - General Sem Medo
há 4 horas
Humberto Delgado foi assassinado pela PIDE há 52 anos. Abrimos esta página há dois anos, por ocasião das cerimónias de evocação do cinquentenário do bárbaro assassinato do General Sem Medo que ousou enfrentar a ditadura de Salazar, candidatando-se à presidência da República em 1958.
Humberto Delgado - General Sem Medo adicionou 3 fotos novas.
Político/a3116 gostos
13 de Fevereiro de 2016
Memorial a Humberto Delgado, no local onde foram encontrados os corpos de Humberto Delgado e da sua secretária, Arajaryr Campos.

1 comentário:

  1. Tinham medo dele, por isso é que o mataram,
    por causa da política, não o deixaram mais viver
    foi por isso é que para sempre a sua voz calaram
    naquele tempo era o que os carrascos sabiam fazer?

    ResponderEliminar