quarta-feira, 8 de julho de 2015

CONFRONTO "BÍBLICO" NO PARLAMENTO...



Estado da Nação começa com frente-a-frente entre Passos e Ferro Rodrigues.

O líder parlamentar do PS, Ferro Rodrigues, confrontou o primeiro-ministro, durante o debate do Estado da Nação no parlamento, com os sete pecados capitais do governo. Passos respondeu-lhe com a adaptação de outra “imagem bíblica”: as dez pragas egípcias do PS.
Na abertura do período das perguntas ao governo, Ferro Rodrigues, começou por responder ao discurso de abertura do primeiro-ministro dizendo que Passos “fez propaganda numa base completamente irrealista”. E rematou: “acontece que no regresso ao passado são os senhores especialistas”.
O líder parlamentar do PS, pediu ainda a Passos Coelho que respondesse aos “sete pecados capitais”, que na última semana o líder do PS, António Costa, disse que o governo cometeu nos últimos quatro anos. O primeiro-ministro respondeu com outra imagem bíblica, as dez pragas que o PS deixou ao país até 2011. E elencou-as:
1-      As “obras faraónicas”- PPP  e o TGV
2-      Programas de estabilidade e de crescimento de “má memória que trouxeram cortes nos salários e aumento de impostos”.
3-      “Uma das maiores desigualdades em toda a União Europeia, em 2011 Portugal era um dos países mais desiguais”.
4-      Défices orçamentais” volumosos e ruinosos”.
5-      Défice externo nos  “10% na última década, até 2011”.
6-      “Desgoverno do sector empresarial do estado que acumulava divida operacional e financeira”.
7-      Nacionalização do BPN.
8-      Défice na electricidade, que “se não fosse este governo, estaria a aplicar aumentos nas taxas”
9-      “Endividamento galopante”
10-   Desemprego estrutural a cima dos 10%.​

1 comentário:

  1. Vi o debate todo, e adorei o desempenho, a frontalidade com verdade de Pedro Passos Coelho.

    Tudo de bom!

    ResponderEliminar